Conheça nossas soluções

A partir da aquisição das soluções NAILA é possível a visualização de dados via plataforma customizável para gerenciar investimentos e realizar aplicações, com o objetivo de alcançar métricas efetivas em ações para redução da pegada de carbono dentro e fora das operações. Todas as etapas de planejamento e implementação dos projetos são acompanhadas por uma equipe com objetivo de atingir os melhores índices de impacto socioambiental, transparência de dados, geração de valor, sistema de recompensas, campanhas de marketing, compliance e governança corporativa para incorporar às marcas de nossos clientes.

Indicadores de Sustentabilidade

Seguindo as tendências do mercado internacional, a NAILA desenvolveu soluções concebidas com base em acordos e protocolos internacionais, visando atender a demanda de tecnologias para sustentabilidade, geração de impacto socioambiental positivo e redução das emissões de carbono.

Índice de Sustentabilidade Empresarial

B3

Greenhouse Gas Protocol

World Resources Institute (WRI)

O ISE da bolsa de valores brasileira (B3) é o indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de empresas selecionadas pelo seu reconhecido comprometimento com a sustentabilidade empresarial. Por meio de levantamento de dados, protocolos e questionários empresas de capital aberto podem atender às demandas do mercado internacional, que exigem organizações mais comprometidas com o ambiente e a sociedade.

O GHG Protocol foi desenvolvido pelo World Resources Institute (WRI) com o objetivo de entender, quantificar e gerenciar emissões de GEE, sendo o método mais usado por empresas e governos do mundo todo. A ferramenta está alinhada à norma ISO 14.064 e com os métodos de quantificação do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). Possibilita a realização de inventários e planos de mitigação de emissões.

Carbon Disclosure Project

Carbon Disclosure Project

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Organização das Nações Unidas (ONU)

O CDP é um questionário para empresas listadas nas principais bolsas de valores, tendo como objetivo organizar e divulgar informações sobre as políticas corporativas relacionadas às mudanças climáticas. Os dados coletados auxiliam os tomadores de decisão a gerenciar riscos, monitorar o ambiente, reduzir as emissões de gases de efeito estufa (GEE), melhorar a gestão hídrica e de resíduos. O objetivo é adequar-se às tendências globais e recomendações de acordos internacionais, como o TCFD – Task-Force for Climate-Related Financial Disclosure, força-tarefa criada pela Financial Stability Board que facilita a divulgação de informações financeiras sobre clima pelas companhias.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU apresentam um conjunto de 17 objetivos com prioridades e ações para o desenvolvimento sustentável global até 2030. Mais que uma tendência, diversas empresas e governos do mundo todo realizam ações para atender as metas dos ODS. Cobrindo uma ampla gama de tópicos de desenvolvimento sustentável relevantes para as empresas – como pobreza, saúde, educação, mudanças climáticas e degradação ambiental – os ODS auxiliam na conexão de estratégias comerciais com prioridades globais. As empresas podem utilizar os ODS como um mapa para conduzir, comunicar e relatar as suas estratégias, objetivos e atividades.